Viajando para a Europa: Bruxellas, Brugges e Gante

Em 2010 eu realizei o meu sonho de conhecer a Europa. Já falei sobre a França e agora é hora de falar da minha visita à Bélgica. Conheci a capital Bruxellas, a cidade medieval de Gante e bela cidade de Brugges.

Bruxellas

Parti de Paris rumo à Bruxellas com o transfer e fizemos uma parada no caminho pois na Europa existe uma lei que em toda viagem rodoviária (de ônibus), a cada 2 horas de viagem deve haver uma parada. Durante a parada estava nevando e aproveitei para tirar fotos.

E então cheguei a cidade de Bruxellas, capital da Bélgica, cidade lindíssima. Fiz uma visita panorâmica à capital e fui até o Atomiun (Átomos), que representa um cristal elementar de ferro de 102m de altura e 9 esferas interligadas uma na outra. Tirei algumas fotos e fui almoçar.

Segui pelas ruelas de Bruxellas e encontrei um restaurante e decidi entrar. Fiz o pedido, bebi um Chopp e quando os pratos chegaram, uma decepção: um pequeno pedaço de carne, mas pequeno mesmo, um pouco de batata frita, e a salada que era 1/5 de uma folha de alface!

Com 1 folha de alface eles fizeram 5 saladas. Até que desta vez a comida não estava ruim, mas, como nós mineirinhos dizemos, “não tapava nem o buraco do dente”.

E assim decidi seguir o conselho de uma das pessoas do grupo que disse para sempre pedir massas: “massas, você não erra!” E era a mais pura verdade.

Saí do restaurante com fome e duas horas mais tarde lá estava eu no McDonald’s novamente. Fiz um passeio pela cidade de Bruxellas na chamada Rua Comercial, onde se concentram vários Shopping’s Center e várias outras lojas.

andre-morato-rua-comercial-bruxellas

Na volta ao hotel começou uma nevasca. E isso para todos do grupo foi ótimo, pois a grande maioria estava em neve pela primeira vez. Estava acontecendo uma passeata contra a Aids. Muito legal!

À noite fui dar uma volta pela belíssima Bruxellas. Muita neve! Passei pelo Grand Place, a praça mais linda que eu já vi, com uma belíssima árvore de Natal no centro e belíssimas e antigas contruções ao redor. Havia também um lindo presépio.

Passei também pelo Manneken Pis (símbolo da cidade) que é a estátua de uma criança fazendo xixi, e segui em direção ao Bar Morte Súbita. Até legalzinho o bar mas só tinha gente mais velha. Bebi “alguns” chopp’s e depois de mais “alguns” fui pro hotel descansar.

Veja mais sobre Bruxellas.

Gante/Brugges

No dia parti rumo à Brugges. Fiz uma parada na cidade medieval de Gante (Gent) onde conheci a catedral de S. Bavón. Comi um waffer com chocolate quente (delícia!).

gante-andre-morato-belgica

Após passar parte do dia em Gante, segui para Brugges. Conheci a Basílica do Sangue Sagrado, e também a Praça Maior, onde tinha uma pista de patinação no gelo. Conheci também os belíssimos e românticos canais de Brugges.

Retornei ao hotel para descansar. Tomei um banho e desci para um bar que ficava dentro das dependências do hotel e bebi alguns chopp’s durante a noite para relaxar. Apesar de eu não ser muito fã de ficar dentro de hotel até que estava agradável.

Por fim comi uma lazanha, pois lembrei da dica, “Massas, você não erra!”. No outro dia, partiria para a Holanda, assunto do próximo post.

Mais sobre a cidade de Brugges aqui.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA